loading
29 Jun

A união faz a força

 

Numa época em que se faz sentir a energia, a esperança e a audácia dos portugueses, vivem-se momentos de alegria e de amizade, como só a nossa seleção nacional de futebol muitas vezes nos dá.

Temos um conjunto de grandes jogadores e esse facto, dá-nos o direito de pensar em grande e querer curtir em grande!

Embora tenhamos de estar prevenidos para todas as possibilidades, eu acredito que a nossa seleção no próximo jogo vai conseguir um resultado que nos permita seguir em frente.

Amanhã, milhares de carros com as bandeiras de Portugal vão circular nas grandes estradas europeias a caminho de França. Serão os nossos emigrantes a dizer: Estamos presentes e acreditamos na nossa seleção!

Sim… todos os portugueses merecem a vitória, mas os nossos emigrantes merecem a dobrar. Eles sentem Portugal nessa dimensão.

 

Entre “A Portuguesa”, entre os gritos de alegria e entre as imperiais bebidas, há uma frase que se destaca:

 

“Não somos 11. Somos 11 milhões.”

 

Acredito sinceramente que, com a nossa firmeza, perseverança e paixão, conseguiremos transmitir à nossa Seleção toda a força de que precisa para terminar em grande este Euro 2016 em França.

 

Já sabem: A união faz a força! Não só no futebol, mas em todas as pequeninas coisas da vida.

E nunca se esqueçam: Nascemos para ser felizes!

 

Deixo aqui o meu “hino” para a nossa seleção: http://bit.ly/297RVFz

Até à próxima quarta!

 

– Nascemos para ser felizes –

Emanuel

 

‪#‎nascemosparaserfelizes ‪#‎AboutEmanuel ‪#‎Emanuel ‪#‎instagram #blog

 

 

 

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Subscrever

( 2 )
  • Ricardo Lopes

    O texto de hoje é um lema e que deve fazer parte da vida de todos nos…( A União). Todos os domínios da vida quer a nivel profissional quer mesmo familiar devem ter a união como base entre outros valores importantes.
    No caso concreto da nossa seleção que nos representa além fronteiras, tem sido impressionante assistir ao apoio dos emigrantes dando consistência ao Portugal que existe lá fora. O sucesso é efêmero num momento tudo muda. Temos a nível futebolístico atletas de primeira água e eles de certo farão o melhor possivel. Venha de lá essa Vitória…

    Vem mesmo a calhar, estas crônicas semanais têm sido sinônimo de união e de força. Queria agradecer o cuidado e a importância que dá aos meus comentários. Fico agradecido por achar que acrescento algo ao seus textos. Simpatia sua à qual fico grato.

    Em relação ao concerto transmito o seguinte:
    Deu-me imenso gosto sentir a sua música a falar à emoção das pessoas (incluo-me indubitavelmente). Quer nas músicas de entretenimento quer nos temas românticos. Naquela noite, em que estavam milhares de vozes presentes, fizeram-se ouvir em uníssono ao cantar sucessos atrás de sucessos.

    E dalí todos saímos felizes…

    Obrigado pelo seu exemplo e profissionalismo.

    Responder
    • Emanuel

      Mais uma vez – e porque quem conta um conto, acrescenta um ponto – o Ricardo fez uma interpretação exímia do sentido do meu texto.
      Fico-lhe igualmente grato por, semana após semana, vir aqui celebrar estes pequenos momentos de “união e de força” comigo e com os demais que me seguem e que, cada vez mais estão a criar uma comunidade ao redor da música, mas também dos mais variados temas.

      O concerto em questão, foi de facto espetacular. O público estava feliz e com espírito de festa, o que se transformou em pura magia. Obrigado a si, pela sua presença!
      Um grande abraço e até para a semana.

      Responder